Cultura e Turismo Famalicão é o epicentro das comemorações dos 400 anos do nascimento de Molière em PortugalEconomia Feira de roupa em segunda mão anima a PraçaMobilidade O Voltas está de volta!Cultura e Turismo Palácio da Igreja Velha torna-se Imóvel de Interesse MunicipalReabilitação Urbana Câmara promove sessão de esclarecimento sobre concessão de espaços na Estação RodoviáriaEducação Biblioteca de Famalicão vence prémio nacional de Boas Práticas em Bibliotecas Públicas MunicipaisCâmara O nó do acesso à A7 de Vermoim/Seide está prestes a ser desatadoCultura e Turismo Famalicão recua seis mil anos na história para refletir sobre o futuro da paisagem do territórioCâmara Reunião do Executivo Municipal esta quinta-feira, dia 13 de janeiroSaúde Disponibilizado acesso ao Centro de Saúde de Famalicão para transporte de utentes de mobilidade reduzidaAmbiente Perturbações na Recolha de Resíduos Sólidos UrbanosCâmara Famalicão vai crescer para NorteCultura e Turismo A Casa das Artes em JaneiroCultura e Turismo Programar em Rede com candidaturas abertasCultura e Turismo Álvaro Costa é o novo Chef residente da Cozinha experimental da PraçaEducação Candidaturas abertas para o Prémio de História Alberto SampaioMobilidade Transporte público rodoviário de Famalicão mantém-se com mesmos percursos, horários e tarifas em 2022Câmara Primeiro Boletim Municipal do mandato no arranque do novo anoSolidariedade Famalicenses oferecem solidariedade para que “seja Natal todos os dias”
O SEU LUGAR

Centro Português do Surrealismo

T: 252 301 650
I: www.cupertino.pt

A Fundação Cupertino Miranda foi instituída por iniciativa de Arthur Cupertino de Miranda e sua esposa Elzira Celeste Maya de Sá Cupertino de Miranda em 2 de outubro de 1963. Desde a sua criação, esta Fundação tem dedicado uma atenção especial às artes plásticas, derivando dessa atividade a criação do museu, iniciado com um acervo constituído por obras doadas pelos patronos e pelo Eng. João Carlos Sobral Meireles. O Museu da Fundação Cupertino de Miranda tem, deste modo, como missão a divulgação da Arte Moderna e Contemporânea, especialmente do Surrealismo. Tem como principais objetivos o estudo, a documentação, a conservação e a divulgação do seu acervo. Com uma importante coleção composta essencialmente por obras de artistas portugueses, reforça um património cada vez mais representativo do Surrealismo português, enriquecendo continuamente a coleção e permitindo tornar visíveis as obras do seu acervo através de um abrangente programa expositivo. Desde 2003 que integra a Rede Portuguesa de Museus.
Saiba mais sobre o Centro Português do Surrealismo
Visite o website